Inspiração: Tattoo de Cupcake

Oi, galerinha do bem (ou não, vai saber…)!

Passeando pela internétchi, me deparei com a foto de uma menina com a tattoo mais fofa do mundo: em forma de cupcake. Nem preciso dizer que, apaixonada por cupcakes como sou, me derreti! hehhehe Aí comecei a pesquisar, pesquisar, pesquisar e achei outras meninas incríveis com tatuagens de cupcakes e outros doces diversos nos mais variados estilos possíveis. Desde cupcakes zumbi, até overdoses de doçura por todo o corpo. Como significado encontrei: amor, vida, esperança, delicadeza…

Selecionei algumas imagens inspiradoras e tentei fazer umas montagens para o post não ficar muito gigante. Já aviso que estou mega enferrujada no photoshop, por isto não ficaram lá estas coisas. hehehe

Untitled-1 Untitled-2 Untitled-3

Beijos! ❤

Queridinhos de Fevereiro – Parte 2: Itens Aleatórios

Vamos falar hoje sobre os produtos que foram meus favoritos no mês de fevereiro, porém não são itens de beleza.

E os escolhidos foram…. Tchanã-nã-nã nã-nã!

IPod. Tenho um IPod Touch 3ª Geração que tá “velhinho”, “velhinho”… tadinho. Os aplicativos nem atualizam mais, mas eu ainda curto muito ele. Meu cachorro (que em breve eu apresento a vocês) tinha comido os fones dele, ele ficou um tempo “perdido” dentro de casa… sei que agora em Fevereiro eu redescobri ele! Estou lotando ele com músicas, fica toda hora mexendo na internet… paixão total! Minha meta este ano é ter um IPhone, mas ainda não sei se vou realizar porque recém comprei um celular rosinha tão gracinha que fica difícil desapegar apesar dele não ter muitas funções especiais e tal. Se vocês quiserem também, eu mostro algumas das músicas que tem no meu IPod. Tem de Nu Metal a JPop. Hilário! heheheh Enfim, favoritásso!

Foto0232b

O próximo da fila é um ursinho de pelúcia lindinho que ganhei da minha irmã. Desde que saí da casa dos meus pais quando casei em 2011, não tinha tido mais bichinhos de pelúcia só um de “estimação”‘ que está guardadinho no armário e eu ainda amo ❤ eles. Quando vi este lindinho foi puro amor. Dei o nome de Bunnie Boom! 😛

Foto0233b

O próximo item vai ser meio ridículo para algumas, mas eu achei tão fofooo! hhehe Na verdade são duas. Duas borrachinhas em formato de bolo que comprei nas lojas americanas. Deixei enfeitando minha mesinha dentro de um pires. Não são uma gracinha? Com certeza, como borracha mesmo nunca irei usá-las! ahahahhaha

Foto0237b

Agora vamos às leituras: em fevereiro não li nenhum livro completo. Tenho mania de pegar vários ao mesmo tempo e não terminar nenhum, sabe? Mas tenho meus mangás! Estes eu leio em meia hora fácil, fácil. O primeiro que vou mostrar é CardCaptor Sakura. Esta é uma das personagens de anime/mangá mais famosas do Brasil, mas se você não conhece, vou explicar brevemente o enredo. Sakura Kinomoto é uma garota normal que tem por volta dos seus 12 anos. Um dia, ela encontra no porão de casa um livro mágico de onde saem dezenas de cartas “enfeitiçadas” que tem “vida própria” e se espalham por todos os cantos da cidade. Junto com o livro, aparece Kerberus (ou Kero, para os íntimos, hehehe), que é o Guardião das cartas Clow (que são as tais cartas mágicas) e com isto ele recebe a missão de capturar novamente as cartas perdidas e “adquire” poderes mágicos. Têm palavras entre aspas porque vários aspectos são explicados no decorrer da história e não quero estragar a surpresa. 😛 Enfim, o mangá é uma gracinha, está muuuito caprichado na roupagem nova que a Editora JBC deu a ele e vale cada centavo (custa R$14,90). Favorito de todo mês. Ah, ele contém 12 edições no total e já estamos na 9.

Foto0235b

Outro que é favorito de todo mês é o mangá Rurouni Kenshin. Este é meu anime/mangá favorito, então sou muito suspeita de comentar sobre!! hehehe Ele também está em nova roupagem pela Editora JBC. Explicando melhor: estes dois mangás já haviam sido publicados por esta editora há cerca de 10 ou 11 anos, porém em uma qualidade muito inferior ruim, porque os tempos eram outros. Era o “início” do mangá no Brasil. Se bem que na época eu até comprava mangás em qualidade melhorzinha, mas, enfim… o que importa é que agora este estão republicando com tradução nova, imagens novas, com uma cara muito mais cuidada, com muito mais qualidade. Tá, voltando ao Rurouni Kenshin, breve sinopse: No Japão de 1800 e tantos, quando ainda eram os xoguns que comandavam o país, havia um cara chamado Battousai. Ele era a favor de uma revolução que tirasse os xoguns do poder e abrisse as portas do país para a liberdade de expressão e entrada dos estrangeiros (gente, é só uma breve explicação, beeeeeeeem por cima do que foi o período para mais informações pesquise pelas expressões “bakumatsu”, “xogunato”, “era meiji”, “shinsengumi”, “guerra boshin”, etc no Google). Este Battousai participou da guerra que houve no Japão matando diversas pessoas, em prol do seu ideal, e se tornou um dos maiores e melhores espadachins do Japão. Após o final deste período turbulento e quando o imperador tomou o poder, este cara sumiu de cena. Ele ficou vagando por 10 anos com apenas uma promessa em mente: nunca mais matar. Aí ele encontra uma garota, que recentemente tinha perdido o pai e ficou encarregada de um doujo, uma escola de artes marciais e passava por uma fase muito difícil naquela época. É um anime/mangá que fala de honra, de amigos, de entrega, de ideiais, que mostra que todos nós erramos e podemos ter coisas em nossos passado que gostaríamos de mudar. ENFIM, GENTE. Amo demais Rurouni Kenshin, e poderia falar dele eternamente! haahhaha FAVORITÍSSIMO. Custa R$13,90, tem 28 edições e estamos na número 4.

Foto0236b

Vou tentar falar sempre também de algum filme muito legal que eu tenha visto, alguma série, etc. Em Fevereiro não achei nem um nem outro que fosse tão empolgante, mas assisti dois animes incríveis. O primeiro e que mais me viciou foi Hakuouki: Shinsegumi Kitan e sua continuação Hakuouki: Hekketsu-roku (ainda não assisti a terceira temporada). Começando pela trilha sonora incrível!!!! Depois, a história lembra um pouco a de Kenshin também porque se passa no final do xogunato e acompanha a saga dos guerreiros do Shinsengumi. A personagem principal, que é a Chizuru, não me empolga muito. Ele é muuuito sonsa, mas o anime é muito bom. Apesar dele ser baseado em fatos históricos e reais deste período do Japão, ele conta também com itens sobrenaturais, o que dá um toquezinho a mais. Além do que, os caras que têm no anime são MUITO GATOS! hahuahuaau Vale a pena.Foto0247

O segundo anime é Amnesia. Neste a personagem principal (que não tem nome) também é meio sonsa, mas com o tempo você começa a gostar dela ou se acostumar com ela. heheheh A história é de uma garota que acorda sem memória, com uma espécie de “elfo” do lado dela (que só ela enxerga), com namorado preocupado, com chefe, amigos, tudo! Porém, não bastasse ela não lembrar de nada, ela fica mudando de “dimensões”. Ele está vivendo uma realidade em um dia e no outro está em um mundo onde as peças são as mesmas, mas os fatos são completamente diferentes. Um mistério só. Muito bom!

Foto0246

Os animes eu acompanho pela internet através do site http://www.anitube,jp

Bom, não sei se vocês entenderam minhas sinopses. Não estou acostumada a escrevê-las, mas espero que tenham gostado e descubram algo novo que possa divertir vocês! 🙂

Muito obrigada pelo tempo que vocês tiraram para vir me visitar e espero vê-las novamente em breve.

Beijos,

Andressa!